Blog

Por que o Brasil precisa tanto investir em fontes renováveis de energia?

Conhecido mundialmente pela natureza exuberante, o Brasil vive um momento extremamente crítico na esfera ambiental. Nosso país, que já chega a mais de 209 milhões de habitantes, ainda investe pouco em iniciativas que protejam e otimizem o uso dos nossos recursos naturais.

O uso de fontes renováveis de energia, por exemplo, poderia auxiliar o nosso país a passar por crises relacionadas ao esgotamento e oscilação de energias não renováveis, como o petróleo e as termelétricas.

As estatísticas são assustadoras: só no ano de 2018, o país perdeu uma área na Amazônia equivalente a 13 vezes o tamanho da cidade de Belo Horizonte, em Minas Gerais. E este ano, o país volta a vivenciar uma tragédia humana e ambiental arrasadora, em Brumadinho, também em terras mineiras.

Em matéria no portal Época Negócios, o relator da ONU diz que as autoridades brasileiras deveriam ter aumentado o controle ambiental quando o acidente em Mariana-MG, gerou danos humanos e ambientais irreparáveis. De acordo com o relator, foram “completamente pelo contrário”, ignorando alertas da ONU e desrespeitaram os direitos humanos dos trabalhadores e moradores da comunidade local.

Como as fontes alternativas podem ajudar

As chamadas “energias renováveis” são aquelas que, como o próprio nome diz, podem ser restabelecidas pela natureza, tais como a luz solar, o vento, a biomassa. Ou seja, são geradas pela natureza e não se esgotam, seguindo um fluxo de geração e aproveitamento.

As fontes não renováveis tendem ao esgotamento e a emissão em grande quantidade de gases do efeito estufa. Tais gases são provenientes da queima de combustíveis fósseis. Portanto, esse tipo de recurso contribui para o aquecimento global acelerado, trazendo consequências à todo o ecossistema vivo na Terra.

O investimento na geração própria, além de gerar benefícios direito ao meio ambiente e a garante maior autonomia aos seus usuários, diminuindo significativamente os impactos dos aumentos tarifários que tanto afetam o planejamento de empresas e pessoas.

As principais fontes de energias renováveis utilizadas são:

Energia Solar: geração de energia elétrica ou térmica através da captação da luz do sol em painéis fotovoltaicos;

Energia Hídrica: energia proveniente do aproveitamento do potencial hidráulico existente num rio, utilizando desníveis naturais como quedas de água, ou artificiais, produzidos pelo desvio do curso original do rio.

Energia eólica: geração de energia elétrica a partir da força dos ventos através de sistema de turbinas eólicas;

Biomassa: produção de combustível ou energia elétrica a partir de matéria orgânica de origem animal e vegetal.

Conheça outros benefícios da Energia Solar

Quando o cliente passa a gerar sua energia, garante um novo aliado na gestão de custos. Já que passa a contar com mais independência e segurança trazidas pela geração.

Por meio da tecnologia de painéis solares que absorvem a luz do sol e geram a energia elétrica que move nosso dia a dia, as contas de luz chegam a uma redução de 99%.

As placas possuem garantia de performance de 25 anos. Depois disso, a placa ainda estará produzindo pelo menos 80% de sua capacidade de geração inicial. Já o período médio de retorno do investimento é abaixo de 4 anos.

Por isso, este investimento permite uma redução imediata nas faturas de energia. Assim, os consumidores podem usufruir de uma economia que impacta diretamente em sua produtividade.

Quer saber mais sobre os benefícios da energia solar? Baixe nosso e-book gratuito e tire todas as suas dúvidas.

Leia mais: